mundo

Planeta tem 60% animais a menos, diz relatório

30 de outubro de 2018 2 comentários

O projeto concluiu que a Mata Atlântica é a área ecológica mais afetada pelo desmatamento no Brasil. Foto: An Yuan/China News Service/VCG via Getty Images.

As populações de peixes, aves, mamíferos, anfíbios e répteis diminuíram aproximadamente 60% no planeta entre 1970 e 2014, de acordo com o relatório Planeta Vivo 2018, divulgado pela organização não governamental Fundo Mundial para a Natureza (WWF), por causa da ação humana.  

Em regiões tropicais, como a América do Sul, a redução foi ainda maior: 89%. 

O lançamento do relatório acontece próximo a eventos internacionais ligados ao meio ambiente, como a COP24 (Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas), que acontecerá na Polônia, no início de dezembro, e a Convenção de Diversidade Biológica, no Egito, entre 17 e 29 de novembro.

De acordo com a pesquisa, das 3.286 espécies que existem no Brasil, 785 estão em perigo. A maioria está na Mata Atlântica, atualmente a área ecológica mais desmatada do país. Desmatar áreas naturais deixa os animais que nelas vivem desabrigados e sem alimentos.

Além disso, 75% das terras do planeta já foram afetadas pela ação humana, segundo o documento. Os animais que vivem em água doce, por exemplo, diminuíram 83% desde 1970.

2 comentários

  1. Oak Canyon Jr High says:

    Esse muito interessante mais porque esta acontecendo?

    1. Jornal_Joca says:

      Oi Oak! Ficamos felizes que a notícia tenha te interessado. Como diz o texto, há menos animais no planeta devido à ação humana, principalmente o desmatamento, que tira as árvores dos lugares onde eles vivem e os deixam sem casa e alimento :(. Continue acompanhando o Joca e comentando as notícias!

Edições Impressas

Busca por Data

novembro 2018
S T Q Q S S D
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

ENQUETE

Como melhorar a seca no Semiárido do Brasil?

TV Joca

Apoio